Meninos tiveram grande desempenho no primeiro dia do florete chegando na fase de 32; Gabriella Viana e Talia Calazans são os destaques entre as meninas

 

Ricardo Pacheco teve grande desempenho no Egito. Foto: Augusto Bizzi/FIE.

6 de abril de 2021.

Por: Fato&Ação Comunicação

O primeiro dia do florete no Campeonato Mundial Cadete e Juvenil de Esgrima, na cidade do Cairo, no Egito, teve dois destaques brasileiros, ambos masculinos. Nesta terça-feira (6), Lorenzo Mion e Ricardo Pacheco alcançaram a fase de 32 da competição individual juvenil, com os dois ficando entre os 30 melhores do torneio. Entre as meninas, Gabriella Viana e Talia Calazans chegaram na fase de 64.

Mion fez uma ótima pule. Dos seis adversários iniciais, venceu quatro. Bateu o emiradense Mohammad Alsayegh (5 a 0), o polonês Jakub Dolzycki (5 a 4), o português José Pedro Guimarães (5 a 2) e o indiano Denny Singh Konsam (5 a 4). Não precisou passar pela fase de 128 e superou o egípcio Abdelrhman Ossama, por 15 a 6, na fase de 64. O russo Egor Barannikov foi o responsável por sua eliminação, na fase de 32, por 15 a 10.

Pacheco também teve grande desempenho na fase inicial. Em cinco confrontos, venceu três, superando o geórgio Irakli Mikeladze (5 a 2), o moldavo Kikita Cecet (5 a 0) e o catariano Abdalla Khalifa (5 a 4). Na fase de 128, bateu o holandês Quincy Dualeh, por 15 a 9, superando o chileno Leopoldo Alarcon na fase seguinte, por 15 a 4. Na fase de 32, caiu para o sul-coreano, por 15 a 6.

“Os dois fizeram uma bela pule. O Pacheco foi muito bem no jogo contra o holandês. O Mion perdeu para um dos favoritos da competição. Vale lembrar que ele ainda é cadete, o que mostra a importância do seu resultado”, analisou o técnico Ricardo Ferrazzi.

Paulo Morais foi outro atleta masculino a realizar um bom desempenho na pule. Ele venceu quatro duelos em seis disputas, mas caiu na fase de 128, para o eslovaco Zoltan Sarmany, por 15 a 9, tendo sido o melhor entre os atletas que pararam nesta fase.

No feminino, Gabriella Viana venceu a geórgia Natalia Kharaishvili (5 a 1), a mexicana Sara Camacho (5 a 4) e a egípcia Hania Emam (5 a 3) na pule, sendo superada na fase de 64 pela ucraniana Kateryna Budenko, por 15 a 1. Já Talia, bateu a eslovana Eli Mlekuz (5 a 3), a romena Emilia Corbu (5 a 2) e a emiradense Fátima Alkaabi (5 a 1) nas pules, e caiu na fase de 64 para a russa Juta Malniece, por 15 a 12.

“A Gabriella é uma cadete, que teve um excelente desempenho na pule. A Talia teve um excelente resultado. Ambas avançaram diretamente para a fase de 64, o que mostra como o desempenho delas foi bom”, disse o técnico.

No feminino, Laura Papaiano venceu um combate na pule, enquanto Valentina Baldi encerrou a competição sem vitórias. No masculino, Guilherme Murray venceu um jogo na sua pule.

A competição tem sequência nesta quarta-feira, com as disputas individuais da categoria cadete.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Esgrima (CBE)

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

CBE nas mídias sociais!

FACEBOOK: www.facebook.com/CBE.BrasilEsgrima

TWITTER: www.twitter.com/cbesgrima

INSTAGRAM: www.instagram.com/cbesgrima

YOUTUBE: www.youtube.com/cbesgrima

Page Reader Press Enter to Read Page Content Out Loud Press Enter to Pause or Restart Reading Page Content Out Loud Press Enter to Stop Reading Page Content Out Loud Screen Reader Support